31 de maio de 2011

Percy Jackson Memórias da grande missão- Capítulo 3

...Encontro na Praia ...
(agora narrado por Annabeth)

Finalmente consegui que o Percy deixasse eu falar. Bem voltando, estávamos na parte em que saímos na missão. Vou continuar a descrever a missão.
-Crianças, melhor irem aos seus chalés descansarem e arrumar suas coisas.- Falou Quirón - Vejo vocês amanhã-
-NÃO!Eu quero ir nessa missão!- gritou Travis
-Já foram escolhidos os que irão, agora o restante vão para os seus chalés- Falou Quíron atordoado.
Eu já não queria ver Quirón bravo, mas acabou acontecendo. Ele saiu correndo pela praia , pegou sua espada e começou a esfaquear bonecos de pano. Havia crianças correndo de medo, até o pobrezinho do Heliás sentiu medo. Percy me Abraçou de lado e começamos a correr. Chegamos ao meu chalé, e ele me deu um selinho. Percy foi para o seu chalé.
Á noite , não conseguia dormir , ficava pensando: "por que Quirón estava bravo?". Fui para a praia para ver se meu sono voltava. Lá acabei encontrando Percy , Nico e Heliás. Todos sentados na orla da praia.
-Oi Anne,- Disse Nico me dando um abraço- não consegue dormir?
-É, estou com pouco sono.
-Sente-se aqui- disse Percy me chamando
-Claro cabeça-de-alga- eu disse , sentando.
Eu sabia que Percy ficou com ciúmes de que eu abracei Nico. [Nico para de rir da cara de Percy!] desculpe.
-Alguem pode me responder uma pergunta?- perguntou Heliás quebrando o silêncio
-Claro qual é?- Falou Percy e Nico juntos
-É verdade que eu sou um bom ferreiro?
-Sim , é claro!- Falei- Você faz as melhores espadas do acampamento!
-obrigada, mas e se eu morrer? Vocês podem avisar minha mãe? ela fica me esperando voltar para casa.
-Claro- Falou Percy, com a voz meio fraca
De repente, chegou Clarisse. Com uma cara de espanto ao nos ver.
-Ei o que fazem aqui? - falou Clarisse com voz tremula
-Estavamos sem sono, e o que aconteceu?- Falou Nico
- No chalé aconteceu uma coisa Horrivel.- Clarisse sentou ao meu lado-  Ao meio da noite, todos ouvimos gritos. Era o grito de Julio (do chalé de Hermes) Fomos para a Porta, e algo brilhante estava lutando contra Julio. Fomos ajudar.Conseguimos derrotar a tal coisa, mas Viramos para trás e a tal coisa havia matado meu meio irmão Lourenço.Meus companheiros de chalé o levaram À Quirón. E eu fui avisar Annabeth.
-Mas quem faria isso?-Falou uma voz as nossas costas, viramos e era Adam- Ele só tinha 8 anos!
-Eu não sei, mas vamos ter de descobrir- Falei com um suspense no ar

CONTINUA...

Nenhum comentário:

Postar um comentário